21 maio 2014

Peña Prieta




Dois elementos do Clube de Montanhismo de Braga, João Soares e Manuel Martins, conquistaram mais alguns dos cumes emblemáticos da cordilheira Cantábrica.
Para o efeito, partiram de Braga no passado dia 8 de Maio, em direcção à localidade espanhola de Porto de San Glorio, de onde arrancaram para a sua actividade pelas 8h. O tempo mostrou-se convidativo e ideal para uma ascensão de 17km na sua totalidade.






O trilho começou sem grandes dificuldades, e os dois montanheiros foram brindados com a presença de corços que os iam cruzando.





 Deparou-se depois uma vertente acentuada, com bastante neve, e a partir daí tiveram de passar a recorrer ao uso de crampons, para, assim, e numa primeira fase atingirem o cume de Altares, do qual prosseguiram até ao cume de Três Províncias que, como o nome indica, divide três Províncias do norte espanhol e, além disso, divide também a cordilheira cantábrica em maciço acidental, maciço central e maciço oriental dos Picos da Europa.







Daí continuaram para o pico del Infierno (2537m) e, de seguida, às 12h30, atingiram o objectivo final, o cume de Peña Prieta, com 2539m, onde foram recompensados com uma paisagem de cortar a respiração.





Depois da foto da praxe e de recuperarem energias, regressaram por outra rota, que engloba uma descida de 600m de desnível com bastante neve, com o cruzar de rios e a subida de colinas, para depois entrarem no belíssimo vale de Naranco, até chegarem ao ponto de partida. Depois foi o regresso a casa com o sentimento de objectivo comprido e a alma repleta de belas e venturosas recordações.






Apresentamos ainda um pequeno video sobre mais esta conquista de elementos do CMB, realizado por um dos pratogonistas da aventura, o nosso amigo Paulo Soares a quem desde já agradecemos a partilha do filme.

video









Sem comentários:

Enviar um comentário

comentários